02 fevereiro 2010

REQUIÃO USA FORÇA DO PODER CONTRA AGENTES PENITENCIÁRIOS

A Secretaria de Estado da Segurança Pública através de um inquérito unilateral e tendencioso pediu a prisão de agentes penitenciários, que foi aceito pela justiça.
Os agentes são acusados de promover a última rebelião na Penitenciária Central do Estado – PCE e também acusados pela morte de presos na briga entre facções.
Fica claro a perseguição do governador Roberto Requião aos agentes e a tentativa desesperada do secretário Delazari e do próprio governador em transferir a responsabilidade aos agentes pela rebelião, cuja causa principal foi a falta de estrutura da PCE e a retirada da polícia militar que auxiliava a segurança. Aqui
Logo mais o sindicato da categoria divulgará nota a imprensa com maiores detalhes.

3 comentários:

SINDARSPEN disse...

O Sindicato dos Agentes Penitenciários está lançando mão de todos os esforços para conseguir o relaxamento das prisões dos Agentes Penitenciários. A prisão dos Agentes foi uma resposta política do governador para não assumir a culpa pela rebelião após a determinação da saída da PM de dentro da PCE, numa atitude impensada, mesmo após vários alertas de que tal medida traria riscos a segurança daquela Unidade Penal.

José Roberto Neves
vice-presidente/SINDARSPEN

Anônimo disse...

Uma grande vergonha para o governo do Estado do Paraná.
E ainda, o secretário de segurança pública anuncia a prisão dos agentes na escolinha do governo, como se fosse um grande feito.
Lastimável!

Anônimo disse...

Esse é o Requião que conheço de velhos tempos...

Que se dane os outros, o que importa eu tirar o meu da reta.

Não é a toa que o provisório e momentâneo prefeito que também é brega, é puxa-saco dele (são bem parecidos politicamente falando).