14 maio 2010

DILMA IGNORA LEI ELEITORAL

Comentário de Ricardo Noblat

O PT foi punido e Dilma Rousseff multada por causa do programa de propaganda partidária do partido exibido em dezembro último.

O Tribunal Superior Eleitoral viu propaganda eleitoral de Dilma onde o PT deveria ter feito propaganda eminentemente partidária.

O programa do PT levado ao ar ontem à noite incorreu no mesmo erro. Não por descuidado ou ignorância, mas de propósito.

A lei pouca importa para o PT e Lula se o que está em questão é a oportunidade de fazer propaganda eleitoral de Dilma fora de hora.

Importa tirar vantagem em tudo, certo?

O comportamento do PT tem a ver com o de Lula, que há quase dois anos não deixa passar uma só ocasião para exaltar as qualidades de Dilma. E seu compromisso em dar continuidade ao governo atual.

Até outro dia, a Justiça Eleitoral assistiu em silêncio ao desrespeito à lei. Foi conivente com o desrespeito. Que configura crime.

Depois passou a multar Lula – duas vezes -, agora Dilma, e a punir o PT com a supressão do seu primeiro propaganda de propaganda partidária de 2011.

Se tivesse agido com mais rapidez não teria sido obrigado a engolir o programa de ontem, que configurou um ato de desafio do PT à Justiça.

A lei garante condições iguais para candidatos que disputam o mesmo cargo.

Não está havendo igualdade. E parte da culpa deve ser debitada na conta da Justiça Eleitoral.

Um comentário:

pill disse...

quando a lei for pra favorecer o safado do serrote, tem que desobedecer mesmo